Polícia

Caíram do sofá: Irmãos de 3 e 4 anos são tirados de tios depois de denúncia de maus-tratos

Dois irmãos de 3 e 4 anos foram retirados da casa onde moravam com os tios, na Vila Marli, em Campo Grande, depois de vizinhos denunciarem o casal por maus-tratos ao verem a menina de 3 anos com os olhos e boca roxos. O Conselho Tutelar foi acionado nesta segunda-feira (4) para ir até a […]

Thatiana Melo Publicado em 05/02/2019, às 11h34 - Atualizado às 11h37

None

Dois irmãos de 3 e 4 anos foram retirados da casa onde moravam com os tios, na Vila Marli, em Campo Grande, depois de vizinhos denunciarem o casal por maus-tratos ao verem a menina de 3 anos com os olhos e boca roxos.

O Conselho Tutelar foi acionado nesta segunda-feira (4) para ir até a residência e chegando ao local, os conselheiros encontraram a menina com os olhos roxos e o menino com machucados antigos por todo o corpo. Um bebê de 1 ano, irmão das crianças, não tinha machucados.

As crianças, então, foram retiradas da casa e levadas para exames de corpo de delito e para serem ouvidas por psicólogos. Os laudos ainda não ficaram prontos, e os resultados devem comprovar ou não as agressões. Os dois irmãos foram levados para um abrigo, mas o bebê continua com os tios.

Nesta terça-feira (5), os tios das crianças prestaram depoimento, na Depca (Delegacia Especializada de Proteção a Criança e ao Adolescente) e afirmaram que os sobrinhos tinham se machucado após cair de sofá, mesma história contada pela menina aos psicólogos. Um termo circunstanciado foi assinado pelo casal, e o processo remetido à Justiça.

Só após o resultado dos laudos é que irá se decidir ou não pelo retorno das crianças a casa dos tios. A mãe dos irmãos, perdeu a guarda dos filhos, por ser usuária de drogas e o pai também perdeu a guarda depois de estuprar a menina de 3 anos. Inclusive, ele tem passagens por homicídio na forma tentada e estupro.

Jornal Midiamax