Polícia

Antes de esfaquear taxista em assalto, ladrão já tinha feito outra vítima

Antes de esfaquear um taxista na tarde desta segunda-feira (29), durante um assalto, na Vila Margarida, em Campo Grande, Rafael Ferreira dos Santos de 23 anos, teria feito outra vítima. Informações da Derf (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico) são de que antes da tentativa de homicídio contra o taxista, Rafael também havia solicitado uma […]

Thatiana Melo Publicado em 30/07/2019, às 08h07 - Atualizado às 16h14

Foto: Ilustrativa
Foto: Ilustrativa - Foto: Ilustrativa

Antes de esfaquear um taxista na tarde desta segunda-feira (29), durante um assalto, na Vila Margarida, em Campo Grande, Rafael Ferreira dos Santos de 23 anos, teria feito outra vítima.

Informações da Derf (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico) são de que antes da tentativa de homicídio contra o taxista, Rafael também havia solicitado uma corrida com outro motorista que acabou assaltado por ele.

Quando estava sendo preso, a polícia encontrou na sua mochila 10 trouxinhas de maconha, que seriam vendidas, além de R$ 100 roubados do outro taxista. A faca usada contra a vítima foi apreendida.

Rafael entrou no carro da vítima no ponto que fica em frente a um supermercado atacadista na avenida Manoel da Costa Lima. No trajeto, na rua Naviraí com a rua Buenos Aires, a vítima teria percebido que seria assaltada e avançou com o carro, um Pálio Weekend, em uma calçada.

“Ele já desceu todo sangrando e pedindo socorro”, informou uma testemunha. A vítima foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros e encaminhada para a Santa Casa.

Jornal Midiamax