Trabalhador da Solurb é executado durante horário de almoço

Vítima teria baleado e deixado paraplégico irmão do autor
| 08/05/2018
- 18:26
Trabalhador da Solurb é executado durante horário de almoço

Trabalhador da Solub identificado como Élcio Rodolfo Armindo Filho, de 23 anos, foi executado com pelo menos sete tiros na tarde desta terça-feira (8), no cruzamento da Rua Verdes Mares com a Avenida Gunter Hans, no Bairro Tarumã, em Campo Grande. A vítima foi surpreendida pelo atirador no momento em que descansava com outros funcionários durante horário de almoço.

Segundo informações de testemunhas, antes de ser Trabalhador da Solurb é executado durante horário de almoçoatingido, o jovem chegou a comentar com os companheiros de trabalho que tinha rixa com algumas pessoas da região. Momentos depois, um homem que estava com camiseta da rede estadual de ensino e short jeans teria caminhado em direção ao local onde eles estavam e efetuado cerca de sete tiros de pistola.

Élcio foi atingido por dois disparos na cabeça e o restante, nas costas. Ele não resistiu aos ferimentos e morreu no local, antes que pudesse ser socorrido por uma equipe de resgate. Após o ataque, o autor entrou em um carro e fugiu em direção ao bairro Tarumã.

Vingança

A Polícia Civil acredita que vingança seja a principal motivação da execução. Investigação preliminar aponta que o crime foi planejado porque, quando era adolescente, Élcio teria baleado e deixado paraplégico o irmão do principal suspeito do assassinato.

O delegado responsável pelo caso, Edmilson Holler, explica que testemunhas teriam reconhecido Trabalhador da Solurb é executado durante horário de almoçoo autor do . Um inquérito será instaurado para apurar o crime. Equipes da polícia fazem diligências para tentar localizar o suspeito.

*Matéria editada às 15h10 para acréscimo de informações

Veja também

Últimas notícias