Polícia

Professora de 63 anos é multada em R$ 1,5mil por colocar fogo no quintal

Moradora foi flagrada pela PMA ateando fogo

Ludyney Moura Publicado em 25/01/2018, às 15h57

None

Moradora foi flagrada pela PMA ateando fogo

A PMA (Polícia Militar Ambiental) de Aquidauana recebeu uma chamada no mínimo inusitada, no começo desta semana, de que uma moradora havia colocado fogo no quintal de casa.

A casa na verdade, onde havia um foco de incêndio, era em Anastácio, cidade vizinha, e a moradora, uma professora de 63 anos foi flagrada colocando fogo no quintal de sua residência.

Os próprios vizinhos da professora acionaram a polícia. Eles estavam incomodados com a quantidade de fumaça provocada pela queimada no terreno da moradora.

Os policiais autuaram a professora administrativamente, e aplicaram uma multa de pouco mais de R$ 1,5 mil.

A PMA reforça que além de proibido, atear fogo pode provocar incêndios de grande extensão além de causar danos à saúde da população afetada.

Além disso, por meio de sua assessoria, os policiais alertam que também é proibido jogar proibição de jogar resíduos, como galhos de árvores, em via pública. No começo de janeiro um morador da Capital foi multado em R$ 5 mil por ser flagrado jogando restos de uma poda de árvore em uma rua na Vila Marli. 

Jornal Midiamax