Polícia

Pistoleiros executam homem a tiros na fronteira com MS

Vizinho relata ter escutado vários tiros

Matheus Aranda Publicado em 28/04/2018, às 10h15 - Atualizado em 07/05/2018, às 10h54

None

Juan Robert Sanabria Cantaluppi, de 54 anos, foi executado com disparos de revólver calibre 38 na noite desta sexta feira (27), nas proximidades de um salão comercial situado na rua Jorge Casaccia, próximo a Ponta Porã. O homem teria alugado o local para a realização de reuniões políticas, informação não confirmada pelos investigadores da Divisão de Homicídios da Policia Nacional do Paraguai.

De acordo com informações do site Porã News, os policiais de Pedro Juan Caballero, que investigam o caso, relataram que um morador próximo à residência, teria escutado vários disparos e ao sair para verificar o ocorrido, visualizou os pistoleiros em fuga a bordo de uma motocicleta e o homem caído no chão.

A vítima deu entrada em um hospital local, onde faleceu durante a madrugada de sábado ao não resistir aos ferimentos.

No local do crime, investigadores encontraram 51,4 gramas de maconha, que de acordo com os policiais, levanta a suspeita de que Juan poderia estar envolvido na venda de drogas da região.

O caso está sendo investigado.

Jornal Midiamax