Polícia

Na fronteira com a Bolívia, mulheres são presas pela PF com ecstasy e LSD

Foram presas na fronteira com a Bolívia em um ônibus que passava por Corumbá, a 444 quilômetros de Campi Grande, duas mulheres, de 26 e 31 anos, que transportavam drogas sintéticas. A Polícia Federal recebeu denúncias sobre o tráfico das drogas sintéticas, que seriam levadas para Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia. As mulheres […]

Thatiana Melo Publicado em 30/05/2018, às 06h40

None

Foram presas na fronteira com a Bolívia em um ônibus que passava por Corumbá, a 444 quilômetros de Campi Grande, duas mulheres, de 26 e 31 anos, que transportavam drogas sintéticas.

A Polícia Federal recebeu denúncias sobre o tráfico das drogas sintéticas, que seriam levadas para Santa Cruz de La Sierra, na Bolívia. As mulheres foram abordadas em um ônibus. Com elas foram encontrados 550 comprimidos de ecstasy.

Além de maconha e dois selos de LSD. As duas mulheres foram levadas para a delegacia e se condenadas podem pegar pena de 5 a 15 anos, além de multa.

Jornal Midiamax