Polícia

Homem que se passou por vítima para roubar escritório do primo é preso pela Derf

Quarto suspeito ainda está foragido

Maisse Cunha Publicado em 29/01/2018, às 22h01

None

Quarto suspeito ainda está foragido

​Dois homens, de 37 e 39 anos, foram presos pela DERF (Delegacia Especializada na Repressão dos Crimes de Roubos e Furtos), após terem rendido os donos de uma empresa de transporte de cargas da capital e levado quantia de R$ 448 mil, no último dia 22 de janeiro.

Segundo o delegado Reginaldo Salomão, responsável pela investigação que resultou na prisão dos suspeitos, o crime foi arquitetado pelo próprio primo de uma das vítimas, que está entre os presos. Um terceiro suspeito, de 29 anos, ainda está foragido.

Conforme as autoridades, no dia do crime, o primo da vítima chegou ao local, tocou o interfone e, assim que o portão abriu, o criminoso contratado por ele o rendeu. Em seguida, já dentro da empresa, o bandido apontou uma arma para a vítima, que estava acompanhada do filho, e levou a quantia.

Os cheques, que totalizavam R$ 400 mil, foram devolvidos ao proprietário assim que foram encontrados. Os R$ 48 mil em espécie, conforme a DERF, ainda estão em posse do quarto suspeito, que ainda não foi identificado.

O crime foi registrado como roubo majorado pelo emprego de arma de fogo. Os dois presos já foram indiciados. O terceiro suspeito já teve mandado de prisão preventiva solicitada.

Jornal Midiamax