Polícia

Vítima de incêndio morre e mãe está grave com 60% do corpo queimado

O incêndio aconteceu na tarde de ontem

Midiamax Publicado em 21/01/2017, às 12h20

None
8506ce00-3722-4344-972f-57d60d7fd033.jpg

O incêndio aconteceu na tarde de ontem

Morreu na noite de ontem, 20, na Santa Casa de Campo Grande, Jéssica Gomes Batista, de 34 anos, vítima de um incêndio na casa em que morava na rua 15 de novembro, centro da Capital. A mãe, a idosa Ismaelita Gomes Batista, de 72 anos, continua internada e seu estado de saúde é considerado gravíssimo. Ela teve 60% do corpo queimado.

A causa da morte foi parada cardíaca, informou a assessoria de imprensa do hospital. A jovem sofreu queimaduras em todo o seu corpo e não resistiu ao ferimentos às 20h20min. O corpo de Jéssica ainda estava em chamas, quando populares arrombaram a porta da casa em que ela e a mãe estavam quando o fogo se alastrou pelo imóvel.

A idosa será transferida ainda nesta manhã ao Centro de Terapia Intensiva (CTI), ela teve mais da metade do corpo queimado e está sob medicação forte, relatou o hospital. O acidente aconteceu no fim da tarde de ontem.

Segundo apurado pela reportagem, Jéssica era deficiente intelectual e Ismaelita portadora do Mal de Parkinson. A cuidadora das vítimas, identificada como Valmerina Ferreira Rosa, havia acabado de sair da casa quando o incêndio começou.

 O corpo de Jéssica, conforme testemunhas, estava em chamas e sem as roupas. A mãe ainda estava vestida, mas não conseguia se levantar devido a dificuldade de respirar.

Jornal Midiamax