Polícia

Procurado por roubo de caminhão acaba preso por tráfico no Noroeste

Outros dois suspeitos foram detidos pelo roubo

Midiamax Publicado em 23/09/2017, às 15h31

None

Outros dois suspeitos foram detidos pelo roubo

Wesley Lopes Martins de Arruda foi preso nesta sexta-feira (23) depois de ser flagrado com porções de maconha no Jardim Noroeste, em Campo Grande. O rapaz era procurado pela polícia por participação no golpe do falso frete, mas acabou preso por tráfico depois de fugir dos investigadores. Outros dois envolvidos no roubo do caminhão foram detidos.

Segundo o boletim de ocorrência, policiais do SIG (Setor de Investigações Gerais) da Polícia Civil de Maracaju vieram a Capital nesta sexta-feira depois de identificarem Wesley, de 25 anos, como um dos envolvidos a um roubo de caminhão. O caso começou após a prisão de dois suspeitos na rodoviária da cidade, a 162 quilômetros de Campo Grande.

Conforme apurado pelo Midiamax, em diligências, equipes da Delegacia de Polícia Civil do município abordaram um adolescente de 17 anos e um jovem, de 22 anos, e acabaram descobrindo que eles estavam envolvidos em um golpe do falso frete em Campo Grande, que teria acontecido na quarta-feira (20).Procurado por roubo de caminhão acaba preso por tráfico no Noroeste

As vítimas teriam sido contratadas para fazer um frete, mas ao chegarem no local marcado foram surpreendidos pelos bandidos. Segundo o site Tudo do MS, cinco ladrões renderam os dois ocupantes do caminhão VW7.90 e os mantiveram em cárcere privado até que o veículo fosse levado para o Paraguai.

Depois de liberadas, as vítimas procuraram a Defurv (Delegacia Especializada de Furtos e Roubos de Veículos), onde o caso foi registrado. O jovem de 22 anos, identificado pelo site local como Bruno Henrique Alvarenga de Carvalho, e o adolescente, seriam os responsáveis por levar o caminhão para a fronteira.

Com a prisão deles, os policiais chegaram a Wesley. O rapaz foi encontrado em uma favela do Jardim Noroeste e assim que viu os policiais, tentou fugir. Ele foi perseguido e invadiu um dos barracos para se esconder, mas ali acabou capturado.

Enquanto tentava evitar a prisão, o suspeito se livrou de uma sacola, em que os investigadores encontraram 598 gramas de maconha, dividias em porções prontas para a venda. Por conta disso, Wesley foi preso em flagrante por tráfico de drogas e levado para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Piratininga.

O jovem possui várias passagens pela polícia. Em setembro de 2015, Wesley foi preso em flagrante por roubar um Iphone 5S de um adolescente. Em fevereiro de 2016, foi condenado a 4 anos de prisão no regime semiaberto e cumpria pena até março deste ano, quando recebu liberdade condicional. 

Jornal Midiamax