Preso após sequestro teria participado de homicídio com vítima carbonizada

Caso aconteceu em fevereiro
| 17/04/2017
- 16:45
Preso após sequestro teria participado de homicídio com vítima carbonizada

Caso aconteceu em fevereiro

Cézar Augusto Zaguine Toledo, de 26 anos, o ‘Magrinho’, preso em flagrante após participar de um assalto com sequestro em Campo Grande na madrugada desta segunda-feira (17), pode ser um dos envolvidos na morte de Leandro de Oliveira, de 26 anos. Leandro, o ‘HB20’, foi carbonizado no dia 27 de fevereiro no aterro sanitário.

Conforme apurado pelo Jornal Midiamax, Cézar já tem várias passagens por crimes com roubos, porte ilegal de arma e também por homicídio, sendo um dos casos quando adolescente. Ele teria participação na morte de Leandro, mas a polícia ainda não confirmou o fato.

Segundo o delegado Geraldo Marim, as investigações apontaram para Tiago Maurício de Andrade, de 27 anos, o ‘Tinga’, como autor do crime, junto com o comparsa Luciano, que não foi encontrado e segue foragido. Tiago chegou a ser preso e confessou o homicídio na época, dizendo que tinha uma briga antiga com a vítima.

O delegado, no entanto, não descarta a participação de outras pessoas no homicídio. Na época, foi apresentado pela polícia que o homicídio teria motivação passional. O Midiamax apurou que Leandro seria um dos autores do homicídio de Richard, executado na região do céuzinho em 15 de fevereiro.

Roubo e sequestro

‘Magrinho’ foi preso após sequestrar dois homens, de 28 e 35 anos, e tentar roubar o veículo das vítimas na Vila Bandeirante. As vítimas saíam de casa por volta das 1h40 quando foram surpreendidas pelo assaltante, que estava acompanhado de um comparsa.

A dupla chegou a ordenar que as vítimas voltassem para a residência, mas elas disfarçaram e disseram que não moravam no local, na tentativa de protegerem os familiares. Os bandidos então sequestraram as vítimas, que foram colocadas no carro, um Cobalt, placas de Campo Grande.

Uma das vítimas conseguiu tomar a arma de um assaltante e, durante a luta corporal, um dos bandidos conseguiu fugir. Cézar acabou preso em flagrante pela Polícia Militar e responderá por roubo majorado pelo concurso de pessoas, pelo emprego de arma e pela restrição de liberdade da vítima.

Veja também

Uma mulher de 20 anos foi denunciada à Polícia Civil na noite de sexta-feira (24),...

Últimas notícias