Polícia

Por dívida, homem é torturado e encontrado morto pendurado em árvore

Quatro pessoas foram presas pelo assassinato

Thatiana Melo Publicado em 07/08/2017, às 11h54

None

Quatro pessoas foram presas pelo assassinato

Por causa de uma dívida, Heddy Flabbio Alcade de 36 anos foi assassinado neste fim de semana, com requintes de crueldade, na cidade de Paranaíba distante 407 quilômetros de Campo Grande. Ele foi encontrado pendurado em uma árvore.

Heddy foi sequestrado em sua residência pelos autores que estavam encapuzados. Uma testemunha conseguiu anotar a placa do veículo e passada as informações a polícia, que conseguiu chegar a um dos homens identificado como Henrique Lopes de Lima, de 19 anos, que não soube dizer onde estava nas últimas horas, confessando o sequestro. A vítima foi torturada, sendo apedrejada, agredida com pauladas e chutes.

Após a localização de Henrique, a polícia conseguiu chegar a Geovane Henrique Ferreira Almeida de 18 anos, que também confessou a participação no crime. Os outros dois autores tinham fugido para a cidade de Aparecida do Taboado sendo localizados. Foram presos, Ueder Ferreira Barbosa, de 19 anos, conhecido como ‘Gaguinho’ e James Henrique Cícero de Oliveira, de 40 anos.Por dívida, homem é torturado e encontrado morto pendurado em árvore

Na delegacia, eles afirmaram que Heddy tinha uma dívida, não foi revelado o valor, com James e que ele teria chamado seu enteado, Ueder, que já tinha uma rixa antiga com a vítima. Já os outros dois foram chamados para participar do crime com a promessa de pagamento de R$ 3 mil.

Todos foram presos e estão à disposição da Justiça, segundo o site JP News.

Jornal Midiamax