Polícia

Policial que ‘namorava’ menina de 13 anos é absolvido do crime do estupro

Caso ocorreu em 2013

Wendy Tonhati Publicado em 08/05/2017, às 12h27

None
estupro-5.jpg

Caso ocorreu em 2013

Policial de Campo Grande, de 47 anos, foi absolvido da acusação de estupro de vulnerável, em julgamento na 7ª Vara Criminal de Competência Especial da Capital. O indiciamento dele ocorreu em 2013 quando ele foi denunciado por envolvimento com uma menina que tinha 13 anos.

Consta que na época, o policial então com 43 anos, buscava a menina em um curso de informática e se dirigia até o mirante do Aeroporto Internacional de Campo Grande, onde trocavam carícias. Na data, ele informou ter sido enganado pela adolescente com relação a idade.

Durante a instrução processual, a mãe disse que o policial era conhecido da família e que chegou a frequentar a casa dela. A mãe desconfiou da situação quando viu que a filha aparecia sempre com créditos no celular e que nenhum familiar havia dado dinheiro para ela.  

Pressionada, a adolescente confessou que trocava mensagens de cunho erótico e amoroso com o homem. A menina contou para a mãe que não houve relação sexual, mas toques impróprios para a idade.

A defesa do policial alegou que os fatos narrados na denúncia não restaram comprovados.

Diante do exposto, julgo improcedente a pretensão punitiva do estado formulada na denúncia, para o fim de absolver o acusado *****, o que faço com fundamento no art. 386, III, do Código de Processo Penal”, diz a sentença. 

Jornal Midiamax