Polícia

Motorista fica em estado grave ao pular de caminhão durante assalto na Capital

Ocorreu no Bairro Paulo Coelho Machado

Diego Alves Publicado em 29/06/2017, às 02h29

None

Ocorreu no Bairro Paulo Coelho Machado

Um motorista de 50 anos ficou em estado grave ao pular seu próprio caminhão em um falso frete na noite desta quarta-feira (28) na Rua Delegado Alfredo Hardman no Bairro Paulo Coelho Machado em Campo Grande. Motorista fica em estado grave ao pular de caminhão durante assalto na Capital

A vítima foi levada à Santa Casa com fratura exposta na tíbia da perna direita, traumatismo craniano grave, fratura de base de crânio com sangramento pelo ouvido, além de outros hematomas. 

Os autores presos em flagrante foram identificados como Altiely Ribeiro do Nascimento, 24, e Israel Rodrigues Lopes de 23 anos. De acordo com a polícia, os dois são foragidos da Gameleira. 

Após o roubo, a dupla foi presa em um barraco no Bairro Paulo Coelho Machado com a arma utilizada no crime, uma carteira e demais pertences da vítima. No momento em que foram presos, ambos já haviam abandonado o caminhão, um Mercedez Benz, na Rua José Pedrossian, Parque Novo Século.

Caso

Após preso, os dois disseram que contrataram o frete após receberem uma mensagem de um preso, da Penitenciária Máxima de Campo Grande, de que deveriam fazer a “encomenda” de um caminhão. 

Eles então ligaram para a vítima, e marcaram o encontro na Avenida dos Cafezais para o falso frete. A vítima chegou ao local, ambos embarcaram no caminhão e seguiram em direção ao Hipódromo no Bairro Paulo Coelho Machado e, na Rua Delegado Alfredo Hardman anunciaram o assalto.

A vítima foi colocada no lado do passageiro e Altiely assumiu a direção do caminhão, enquanto Israel permaneceu em posse da arma de fogo, coagindo o motorista. 

Porém, a vítima teria entrado em luta corporal com o autor Israel e com isso o autor efetuou um disparo em direção à vítima que ele pulou do caminhão que estava em alta velocidade. Mesmo muito machucado por causa da queda, o caminhoneiro não foi atingido pelo tiro. O caso foi registrado como roubo seguido de morte na forma tentada na Depac Piratininga. 

Jornal Midiamax