Polícia

Mãe e criança passam a noite como reféns de quadrilha que roubou S10

Veículo teria sido levado para São Paulo

Renata Portela Publicado em 05/04/2017, às 13h57

None
delegacia_tres_lagoas.jpg

Veículo teria sido levado para São Paulo

Na manhã desta quarta-feira (5), moradora em Três Lagoas, a 338 quilômetros de Campo Grande, procurou a polícia depois de passar a noite como refém de uma quadrilha. Ela e o filho de 10 anos foram mantidos amarrados dentro de casa, enquanto os bandidos roubavam a camionete da família.

A vítima acionou a Polícia Militar por volta das 8h30, após perceber que os bandidos já tinham deixado o local. Ela contou que voltava da faculdade, por volta das 22h20, e quando entrava em casa foi surpreendida por cinco homens, todos armados, que ordenaram que ela fosse para dentro da casa.

A mulher foi amarrada e amordaçada, assim como o filho de 10 anos. Segundo a vítima, um dos bandidos roubou a camionete S10 e ela chegou a ouvir eles dizendo em voz baixa que o veículo seguiria para São Paulo, e não para o Paraguai, como de costume. Mãe e filho passaram a madrugada como reféns dos bandidos.

Ainda conforme o depoimento da vítima, ela chegou a ouvir os bandidos falarem sobre uma outra camionete roubada. Já de manhã ela percebeu que não tinha mais ninguém na casa, conseguiu se soltar e acionou a polícia. O caso é tratado como roubo majorado pelo concurso de pessoas.

Jornal Midiamax