Polícia

Incêndio destrói casa no centro de Rio Brilhante e mobiliza toda a população

Fogo pode ter sido iniciado com curto circuito em colchão magnético.

Midiamax Publicado em 23/06/2017, às 00h04

None

Fogo pode ter sido iniciado com curto circuito em colchão magnético.

A residência do advogado João Carlos Barbosa, ex-chefe de gabinete da Prefeitura de Rio Brilhante foi totalmente destruída por um incêndio que começou por volta das 16h50 e mobilizou toda a população.

Por falta de Corpo de Bombeiros na cidade o incêndio foi apagado por caminhões pipa da Usina de Álcool e Açúcar e por grande parte de moradores de Rio Brilhante.

Conforme informações da Polícia o fogo começou em um colchão magnético que estava ligado na tomada. João Carlos estava na sala com a sua mulher e os dois filhos quando ocorreu uma queda de energia. Logo depois um dos filhos sentiu cheiro de queimado dentro da casa.

A casa ficava localizada na Rua Antônio Lino Barbosa numero 1130 no centro da cidade e quando o advogado foi até o quarto do casal se deparou com as chamas que já estava i controláveis.

Para apagar o fogo foram mobilizados além dos policiais civis e militares três caminhões pipas e uma brigada de incêndio da usina. Quando o fogo já estava controlado chegou até o local uma equipe do Corpo de Bombeiros de Nova Alvorada do Sul, distante 45 km de Rio Brilhante.

Na parte da frente da casa funcionava um salão de beleza e nenhuma pessoa ficou ferida no incêndio.O fogo só foi controlado duas horas depois de iniciado. Vídeo.

Fotos:  www.riobrilhanteemtemporeal.com.br

Jornal Midiamax