Polícia

Há mais de um ano sem delegado população de Porto Murtinho ‘pede socorro’

Delegado de Guia Lopes da Laguna tem que percorrer 210 Km para atender ocorrências na cidade de Porto Murtinho.

Midiamax Publicado em 05/07/2017, às 13h38

None

Delegado de Guia Lopes da Laguna tem que percorrer 210 Km para atender ocorrências na cidade de Porto Murtinho.

A família do menino douradense de 13 anos que desapareceu na semana passada encontrou dificuldades para fazer o resgate na delegacia de Policia Civil de Porto Murtinho que não tem delegado titular há mais de um ano.

A delegacia de Porto Murtinho está subordinada à Delegacia Regional de Jardim e neste período vem sendo atendida pelo delegado titular da delegacia da cidade de Guia Lopes da Laguna Rodrigo Zanotta.

Para chegar a Porto Murtinho o delegado de Guia Lopes tem que percorrer 210 quilômetros para atender as demandas da delegacia. Conforme alguns advogados, muitas vezes os flagrantes de crimes acontecidos em Murtinho acabam sendo lavrados em Guia Lopes ou simplesmente feito pela internet.

A cidade de Porto Murtinho fica na fronteira com o Paraguai distante 450 km de Campo Grande e por isso a população está pedindo socorro conforme afirmou o vereador Rodrigo Fróes Acosta, presidente da Câmara Municipal.

Na sessão ordinária do dia 28 de março deste ano os onze vereadores subescreveram a indicação número 04/2017 solicitando ao Governo do Estado e a Secretaria de Justiça e Segurança Pública “a disponibilização de um delegado de policia civil para atender exclusivamente Murtinho”.

No dia 19 de junho, Rodrigo Acosta através do ofício 304/2007 voltou a reiterar o pedido da população de Porto Murtinho por um delegado para morar e assumir a titularidade da delegacia. Este documento chegou às mãos do Governador Reinaldo Azambuja, mas a reivindicação ainda não foi atendida.

Jornal Midiamax