Polícia

Ex-candidato a vereador é preso por tráfico de drogas em MS

Força Tática prendeu trio na MS-134 próximo do Porto São José

Midiamax Publicado em 14/12/2017, às 16h14

None

Força Tática prendeu trio na MS-134 próximo do Porto São José

​O ex-candidato a vereador e 1º suplente, Reinaldo José dos Santos, de 44 anos, conhecido por Manobra, foi preso na companhia do irmão Flávio dos Santos, de 43 anos, e Milton dos Santos de 59 anos, suspeitos de tráfico de drogas e associação ao tráfico. A prisão foi feita após testemunha ver o trio descarregar um saco em uma casa abandonada, na noite desta quarta-feira (13).

Um trabalhador rural teria visto pela manhã um trio descer de um veículo Fiat/Pálio, prata, e guardar um saco em uma casa abandonada em meio a vegetação às margens da estrada MS-134, sentido ao Porto São José.

Suspeitando de que fosse um corpo, esperou o trio ir embora e foi averiguar, onde encontrou dentro do saco tabletes de maconha.

O homem acionou a Polícia Militar e indicou onde estava o entorpecente, sendo na entrada da Fazenda Primavera em meio a um plantio de eucaliptos.

Ex-candidato a vereador é preso por tráfico de drogas em MS

Jornal da Nova

Os policiais militares foram para o local e montaram campana. O trio foi preso por volta das 21h30, quando o veículo Fiat/Pálio retornou ao local.

Outras investigações

O ex-candidato a vereador e o irmão já foram alvos da Polícia Civil de Batayporã por suposto envolvimento no crime de tráfico de drogas e que atuavam naquela região, bem como denúncias na Polícia Militar que realizavam tráfico em Nova Casa Verde.

Aos policiais o trio alegou versões diferentes, sendo que um dos indivíduos disse que estavam vindo de Nova Londrina (PR), mas estavam sem bilhete de balsa e pelo horário a empresa não opera, em decorrência do período noturno.

A equipe policial constatou que o local já foi usado outras vezes como depósito de drogas, pelas características do ambiente e vegetação amassada.

O trio foi encaminhado a Delegacia de Polícia Civil de Batayporã, onde a ocorrência foi registrada por tráfico de drogas e associação para o tráfico e a maconha pesou 15 quilos. Também foram apreendidos cédulas de dinheiro totalizando aproximadamente R$ 2 mil.

(Foto: Jornal da Nova)

Jornal Midiamax