Dono do bar não foi localizado

Morreu depois de ser espancado com chutes na cabeça neste domingo (27), na cidade de distante 466 quilômetros de Campo Grande, Reginaldo Olmedo de 37 anos. Ele teria sido agredido pelo dono do bar onde estaria com a esposa.

O homem foi deixado no hospital da cidade com várias lesões na cabeça devido ao espancamento que sofreu. Em princípio, as informações eram de que ele teria sido encontrado ferido caído na estrada sendo levado e deixado no hospital.

Mas, após sua morte a esposa que estava no hospital contou aos policiais que ela e o marido teriam ido até um bar em um assentamento pedindo uma cerveja fiado para o dono momento em que a vítima foi derrubada no chão por ele e espancada.Cliente morre após ser espancado por pedir fiado em boteco

Em seguida, Reginaldo foi colocado dentro do carro do proprietário do bar e levado do local. A mulher foi até o bar na companhia dos policiais, mas o autor não foi localizado e o caso registrado como simples.