Polícia

Cansado de ver mãe agredida, jovem mata padrasto a pauladas e joga corpo em rio

Cadáver foi localizado pelo Corpo de Bombeiros

Midiamax Publicado em 09/02/2017, às 10h52

None
0.jpg

Cadáver foi localizado pelo Corpo de Bombeiros

Fernando dos Santos Ramiro, de 22 anos foi preso suspeito de matar o padrasto identificado como José de Lima Cabral, a pauladas e jogar o corpo no Rio Guassu, em Itaquiraí, a 407 quilômetros da Capital. Ele confessou o crime com a justificativa de que a vítima agredia sua mãe.

A Polícia Civil recebeu informações de que há 15 dias, um morador do assentamento Santo Antonio, teria matado e ocultado o corpo do padrasto.  Confome o Ta Na Mídia Naviraí, o suspeito foi localizado e confessou a autoria do crime com a justificativa de que o padrasto agredia sua mãe.

À polícia, Fernando afirmou que matou a vítima com pauladas na cabeça, amarrou as mãos e colocou o corpo em um saco plástico, e em seguida no porta-malas do carro. Fernando percorreu 20 km até chegar ao Rio Guassu.

A Polícia Civil de Itaquiraí pediu apoio aos Bombeiros de Naviraí que realizaram buscas, no rio, durante toda a tarde desta terça e o corpo foi localizado às 18h.

Corpo que estava em avançado estado de decomposição foi levado ao IML (Instituto Médico Legal).

Fernando foi levado a Delegacia de Polícia Civil de Itaquiraí e autuado por homicídio simples, destruição, subtração ou ocultação de cadáver.

Jornal Midiamax