Polícia

Campo-grandense é multado por desmatar vegetação nativa do Rio Miranda

Atividades foram interditadas

Midiamax Publicado em 04/05/2017, às 21h53

None
00000000.jpg

Atividades foram interditadas

Policiais Militares Ambientais autuaram um proprietário rural dono de uma chácara em Anastácio, a 134 km de Campo Grande, por desmatar ilegalmente vegetação nativa nas proximidades do rio Miranda. O fato ocorreu nesta quarta-feira (3).

Os policiais mediram com uso de GPS a área desmatada ilegalmente, que perfez 1 hectare destruído. As atividades foram interditadas. O infrator, de 54 anos, residente em Campo Grande, não possuía autorização ambiental para a atividade. Ele foi autuado administrativamente e multado em R$ 1.000,00.

O autuado também responderá por crime ambiental e, se condenado, poderá pegar pena de três a seis meses de detenção.

O infrator foi notificado a apresentar um Prade (Plano de Recuperação da Área Degradada) junto ao órgão ambiental estadual.

Jornal Midiamax