Polícia

Caminhoneiro é sequestrado e passa quase 20h nas mãos de bandidos

Pelo menos duas pessoas participaram da ação

Wendy Tonhati Publicado em 07/01/2017, às 16h28

None
9290f5fa12ce5d04888301394921c006.jpg

Pelo menos duas pessoas participaram da ação

O motorista de um caminhão passou quase 20 horas nas mãos de bandidos após ser rendido na tarde da sexta-feira (6), na entrada de Nova Andradina, a 297 quilômetros de Campo Grande. De acordo com o boletim de ocorrência, pelo menos dois criminosos participaram da ação. 

A vítima relatou aos policiais que por volta das 16 horas da sexta, sentiu o veículo ser freado de forma descoordenada. O motorista disse acreditar que o bandido subiu no caminhão quando passava por um trevo e em baixa velocidade por conta da chuva. 

Conforme o relato, a vítima foi verificar por que o caminhão diminui a velocidade e foi rendida por um homem armado. O bandido perguntou se o veículo era rastreado e mandou que o caminhoneiro passasse para o banco de trás. Poucos metros depois, outro criminoso subiu no caminhão. 

A vítima disse aos policiais que percebeu que o veículo passou por uma estrada de chão para desviar de um posto policial. Depois disso, os bandidos pararam em uma casa abandonada onde entraram com o caminhoneiro. 

Segundo a vítima, os bandidos diziam para que ele ficasse calmo e que após a ‘desova’ do veículo, ele seria libertado. Por volta das 2 horas deste sábado, um dos bandidos levou a vítima até os fundos da casa e disse que quando desse um tiro para o alto, o caminhoneiro poderia sair. 

O caminhoneiro andou por cerca de duas horas até ser resgatado pela Polícia Militar Rodoviária. O caso foi registrado na Delegacia de Polícia Civil de Nova Andradina. 

Jornal Midiamax