Polícia

​Aos 66 anos, se envolveu com ‘Chupa-cabras’ e acabou presa por narcotráfico

Idosa foi flagrada com drogas em casa

Renata Portela Publicado em 12/04/2017, às 10h02

None
velhinha_narcotrafico.jpg

Idosa foi flagrada com drogas em casa

Na madrugada desta quarta-feira (12), foi presa em flagrante Patrocínia Freire, de 66 anos, em Ponta Porã, cidade a 346 quilômetros da Capital. Ela foi autuada por tráfico de drogas e foi presa enquanto os policiais procuravam por um homem de 41 anos que mora na mesma casa que ela, conhecido como ‘Chupa-cabra’.

De acordo com o boletim de ocorrência, uma usuária de drogas denunciou que no Bairro São Francisco o ‘Chupa-cabra’ estaria comercializando entorpecentes e teria vários papelotes de crack na casa. Equipe da Polícia Militar foi até o local, onde encontrou várias pessoas no quintal e, com autorização da proprietária da residência, Patrocínia, entraram.

Vários rapazes que estavam no local disseram ser usuários de drogas que estavam ali para consumir o entorpecente. Questionados sobre o paradeiro de ‘Chupa-cabra’, eles disseram que o homem tinha saído do local pouco antes da polícia chegar. Em buscas, os militares encontraram várias porções de crack, além de um tijolo de maconha.

Patrocínia acabou presa em flagrante por tráfico de drogas, relacionado a quem utiliza local ou bem de qualquer natureza de que tem a propriedade, posse, administração, guarda ou vigilância, ou consente que outrem dele se utilize, ainda que gratuitamente, para o tráfico. A droga foi apreendida e encaminhada para a delegacia.

Jornal Midiamax