Polícia

Adolescente que esfaqueou diretor em escola presta depoimento e se diz arrependido

Teria esfaqueado depois de ser repreendido por matar aula

Thatiana Melo Publicado em 08/06/2017, às 12h32

None

Teria esfaqueado depois de ser repreendido por matar aula

Prestou depoimento no fim da tarde desta quarta-feira (7), o adolescente de 16 anos que esfaqueou o diretor de uma escola estadual, na terça-feira (6), na cidade de Navirai distante 359 quilômetros de Campo Grande.

Durante o depoimento, o adolescente se disse arrependido e afirmou que o crime teria sido motivado porque um dia antes do crime (segunda) teria sido flagrado no banheiro da escola matando aula, sendo repreendido pelo diretor da escola.

Após o depoimento ele foi liberado e caso o juiz acate o pedido de apreensão do garoto feito pelo delegado, o adolescente será encaminhado para uma Unei (Unidade Educacional de Internação), segundo o site Tá Na Mídia Naviraí.

O diretor foi esfaqueado pelas costas na noite de terça-feira (6)  nos fundos da quadra de esportes do colégio. O diretor fazia rondas pela escola para verificar os alunos que não haviam entrado nas salas depois do início das alunas e acabou encontrando o jovem e um grupo de amigos.

O diretor foi conversar com os alunos e acabou sendo empurrado pelo adolescente. Ele sai do local, mas é seguido pelo aluno, que tira a faca da mochila e esfaqueia o diretor. O homem sofreu dois golpes, nas costas e no braço, e caiu no chão. Em seguida o adolescente foge pulando o muro da escola.

Jornal Midiamax