Polícia

Três dias após furtarem casa, ladrões voltam e levam filhote de rottweiler

Família está atrás de pistas para achar o cão

Renata Portela Publicado em 29/10/2016, às 13h17

None
14713671_1104748389646268_9135568582592477467_n.jpg

Família está atrás de pistas para achar o cão

Há uma semana, família moradora no Santa Luzia procura por Bolt, o filhotinho de rottweiler de apenas três meses que foi furtado da residência. No dia 19, os ladrões arrombaram o portão da casa, que fica na Rua Luciara, e furtaram vários objetos. Três dias depois, eles voltaram e levaram o cãozinho.

A moradora Diezimara Lima, de 23 anos, contou ao Jornal Midiamax que ela e o marido não estavam na residência quando ocorreram os furtos. Da primeira vez, ao chegarem em casa eles notaram que o portão estava arrombado e que vários objetos como televisão, notebook, aparelho de som e roupas foram levados.

“Eles reviraram a casa. A gente ficou com medo, mas continuamos aqui”, contou. Segundo a vítima, que mora com o marido e o filho de 7 anos, ela chegou a deixar o cãozinho Bolt na casa da sogra, mas como ela tem outros cachorros, o cãozinho acabou voltando a ficar em casa. Três dias depois, os ladrões voltaram, arrombaram novamente o portão e levaram o filhotinho.

O casal ainda não conseguiu registrar boletim de ocorrência pelos furtos. “Meu filho chegou a ficar doente. Se pra gente é triste, imagina pra uma criança”, comentou Diezimara sobre o furto do cãozinho. "

As vítimas pedem que, quem tiver qualquer informação sobre o cãozinho, que entre em contato pelos telefones (67) 99246-9037 ou (67) 99244-7492.

Jornal Midiamax