Polícia

Sobrinho de PM pede ajuda em loja após ser esfaqueado em assalto

Tentou reagir

Renata Portela Publicado em 24/06/2016, às 11h23

None
depac_piratininga_-_cleber_gellio_2.jpg

Tentou reagir

Na noite de quinta-feira (23), por volta das 20h30, rapaz de 20 anos foi vítima de tentativa de latrocínio – roubo seguido de morte – na Rua Albert Sabin, no Caiçara, região sudoeste de Campo Grande. Ele teria tentado reagir ao assalto e foi esfaqueado.

Conforme o registro feito na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga, a vítima, que é sobrinho de um sargento da Polícia Militar, entrou em um estabelecimento comercial já esfaqueado. O comerciante conta que fechava a loja quando a vítima entrou, com o ferimento no abdômen.

O rapaz estava pedindo ajuda e gritando que havia sido esfaqueado durante assalto e foi encaminhado para a Santa Casa, em estado grave. Conforme primeiras informações da polícia o jovem corre risco de morte. O caso é tratado como latrocínio na forma tentada e será investigado.

Jornal Midiamax