Polícia

Proprietário de sítio é autuado pela PMA por armazenamento ilegal de madeira

Ele foi multado em R$ 300,00

Midiamax Publicado em 20/11/2016, às 10h19

None
lenha.jpg

Ele foi multado em R$ 300,00

Um proprietário de sítio, foi autuado pela PMA (Polícia Militar Ambiental) de Corumbá. Os policiais receberam denúncias de que o homem teria madeira armazenada ilegalmente. Então a PMA realizou fiscalização e constatou o armazenamento de lenha da espécie angico, sem autorização ambiental.

O fato ocorreu na última sexta, em uma estrada do assentamento taquaral, a cerca de 5 km da cidade. O produto vegetal explorado não tinha a devida licença, o Documento de Origem Florestal, que é para se transportar, armazenar ou utilizar qualquer tipo de produto florestal nativo. 1 m³ de lenha foi apreendido.

Segundo a PMA, o infrator foi autuado administrativamente e multado em R$ 300,00. Ele também responderá por crime ambiental, que prevê pena de seis meses a um ano de detenção.

Jornal Midiamax