Polícia

Polícia dará atenção especial a pontos de ônibus após protesto de domingo

Todo efetivo deve estar nas ruas

Renata Portela Publicado em 11/03/2016, às 12h59

None
tenente_waldir.jpeg

Todo efetivo deve estar nas ruas

Equipes da Polícia Militar devem iniciar já nesta sexta-feira (11) policiamento especial para o protesto que deve ocorrer no domingo (13). Todo o aparato policial está convocado, segundo o comandante Waldir Ribeiro Acosta, e o efetivo deve estar nas ruas a partir das 13 horas de hoje.

De acordo com o coronel Waldir, comandante do CPM (Comando de Policiamento Metropolitano), batalhões de área, Batalhão de Choque, Bope (Batalhão de Operações de Policiais Especiais), Policiamento de Moto e Cavalaria estarão nas ruas da Capital e atuarão antes, durante e depois do protesto.

O coronel diz que é feita reunião nesta manhã para definir o esquema de segurança, mas já foi definido que será feito um forte trabalho de rondas após o protesto. Segundo o comandante Waldir, equipes devem passar principalmente nas proximidades de ponto de ônibus e terminais, para coibir ação de assaltantes.

Orientações

Para evitar furtos e assaltos, a Polícia Militar orienta que os manifestantes tomem certos cuidados, como evitar deixar bolsas e outros pertences à vista nos carros, além do cuidado de não estacionar em locais ermos. Também deve-se tomar cuidado com aparelhos celulares, para que não sejam expostos.

Ainda para prevenir qualquer ação de bandidos, a polícia orienta que a pessoa que sinta que uma situação possa descambar para violência ou distúrbio, procure o mais rápido possível equipe da PM ou GCM (Guarda Civil Municipal) que estiver nas proximidades.

Jornal Midiamax