Polícia

Homem que pulou muro e matou ex-mulher a facadas é preso pela polícia

Autor disse não se lembrar de esfaquear ex

Thatiana Melo Publicado em 30/06/2016, às 10h25

None
homicidio_altenizia.jpg

Autor disse não se lembrar de esfaquear ex

Alexandre Augusto Canato, de 34 anos foi preso na noite desta quarta-feira (29) suspeito de assassinar a facadas a ex-mulher, Altenizia Luisa de Paula, de 37 anos, na manhã de quarta-feira em sua residência, na cidade de Três Lagoas, localizada a 339 quilômetros de Campo Grande.

O  suspeito foi preso em uma residência, no Jardim Eldorado e acabou confessando o crime a polícia, mas afirmou não se lembrar quantos golpes teria desferido contra a ex-mulher, segundo o site Jornal do Povo.

Ao lado do corpo de Altenízia estava a faca usada no crime. O assassinato ocorreu após uma briga do ex-casal.

O crime

Altenísia Luiza de Paula, de 37 anos foi morta a facadas na manhã desta quarta-feira (29) em sua residência, na cidade de Três Lagoas localizada a 339 quilômetros de Campo Grande. O suspeito do assassinato seria o ex-namorado.

A polícia foi acionada e quatro testemunhas afirmaram ver o suspeito, de 34 anos, entrar e sair da residência na hora do crime, segundo o site Jornal do Povo. Informações preliminares dão conta de que o casal teria se desentendido e trocado agressões.

A filha, de 14 anos, da vítima estava dormindo quando ouviu os gritos da mãe pedindo socorro. Ao se levantar para ver o que estava acontecendo, a menina viu o padrasto esfaqueando a mãe. Segundo a polícia, o autor era vizinho de Altenizia e teria pulado o muro para esfaqueá-la.

A vítima foi atingida por diversos golpes em várias partes do corpo. Ainda de acordo com informações, a vítima tentou correr, mas caiu em um corredor que dá acesso a rua sem vida. O ex-namorado fugiu após o crime em uma motocicleta e ainda não foi localizado. De acordo com testemunhas, o autor não aceitava a separação. A vítima tinha dois filhos de 14 e 6 anos.

Jornal Midiamax