Polícia

Grupo é suspeito de agredir jovem que saía do trabalho para ‘cobrar bronca’

Vítima teria ficado em estado grave

Renata Portela Publicado em 14/03/2016, às 16h03

None
6_dp.jpg

Vítima teria ficado em estado grave

Na manhã desta segunda-feira (14), mãe de um rapaz de 24 anos procurou a polícia para relatar que o jovem foi agredido na madrugada de domingo (13), por volta das 3h30. Um grupo de seis pessoas, alguns conhecidos, teriam ido 'cobrar uma bronca' da vítima.

De acordo com o boletim de ocorrência, registrado na 6ª Delegacia de Polícia Civil, o jovem de 24 anos saía do trabalho no Jardim Tijuca, região sudoeste da Capital, quando foi abordado por seis rapazes, dois conhecidos. Segundo relato do filho para a mulher, os suspeitos pediram dinheiro, mas ele falou que não tinha, então foi agredido.

Consta no registro policial que a vítima foi agredida com pauladas na cabeça e chegou a desmaiar. Segundo a polícia, uma conhecida viu o rapaz desacordado e o levou para casa. A mãe acionou um vizinho e conseguiu levar o rapaz até o Posto de Saúde, onde recebeu atendimento. A mulher revelou aos policiais que o outro filho já teria trocado tiros com os suspeitos e que eles teriam ido 'cobrar a bronca' com a vítima.

O caso foi registrado como lesão corporal dolosa, quando há intenção.

Jornal Midiamax