Polícia

Esposa procura o Ministério Público depois de ser mantida em cárcere privado

Foi agredida com facão

Thatiana Melo Publicado em 16/12/2016, às 14h43

None
delegacia_de_caarapo.jpg

Foi agredida com facão

Depois de agredida com um facão pelo marido, de 31 anos, e ser mantida em cárcere dentro da sua residência, uma mulher, de 41 anos, procurou o Ministério Público para denunciar o companheiro e pedir medidas protetivas contra o autor.

O caso aconteceu na cidade de Caarapó distante 273 quilômetros de Campo Grande. Em depoimento, a vítima disse que no dia 10 de dezembro chegou a sua casa e encontrou o marido embriagado.

O autor teria empurrado a mulher em cima de uma garrafa de pinga, causando um corte em seu dedo, em seguida a ameaçou com uma faca que foi retirada das mãos do agressor pela esposa.

De posse de um facão, o homem desferiu um golpe na perna da esposa e fugiu em seguida. Ela foi socorrida pelo Corpo de Bombeiros e ao voltar para casa encontrou o autor, que a manteve presa na residência sob ameaças de matá-la, caso procurasse a polícia.

Nesta sexta-feira (16), a vítima conseguiu sair da residência e procurou o Ministério Público para denunciar o marido e pedir medidas protetivas contra ele.

Casos

Dados da Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública) revelam que desde janeiro até dezembro foram registrados no Estado 5.020 casos de violência doméstica, na Capital foram 1.582 casos.

Jornal Midiamax