Polícia

Espingarda é encontrada na casa de envolvido em atentado contra agente

Foi apreendida

Renata Portela Publicado em 02/09/2016, às 12h46

None
arma_-_agente.jpeg

Foi apreendida

Na quinta-feira (1º), policiais encontraram uma arma de fogo na casa de Edson dos Santos Bonfim, de 22 anos, preso na tarde de quarta-feira (31) por envolvimento na tentativa de homicídio contra o agente penitenciário Enderson Bogas Severi, de 34 anos. O crime aconteceu em Naviraí, a 359 quilômetros de Campo Grande.

Em continuidade às investigações, policiais civis de Naviraí foram até a residência de Edson para cumprir um mandado de busca e apreensão. Na casa foi apreendida a espingarda calibre 12mm, mas que não teria sido usada no dia do crime. Segundo o delegado titular da Delegacia Regional de Naviraí, Claudineis Galinari, a polícia agora aguarda algumas autorizações judiciais para tentarem identificar o quarto envolvido no atentado.

Edson foi preso com Lucas Silva Pimentel, de 20 anos. Os dois pilotavam as motocicletas e levavam na garupa os atiradores que dispararam vários tiros de 9mm contra o agente penitenciário. Um dos pistoleiros já foi identificado como Fabiano Nere Santana, de 25 anos.

Fabiano tem contra ele um mandado de prisão em aberto do Paraná, por tráfico de drogas, e segue foragido pelos crimes de tentativa e homicídio qualificado, associação criminosa e porte ilegal de arma.

Estado de saúde

Enderson passou por cirurgia no início da tarde de quarta-feira e está na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) do Hospital Evangélico do município de Dourados, a 225 quilômetros de Campo Grande. O agente penitenciário teve o intestino perfurado por um dos disparos que o atingiram e durante o procedimentos cirúrgico foi necessário a retirada do baço.

Ele permanece sedado no hospital, mas não está em coma. O estado de saúde é delicado e ele é mantido sedado para que não faça movimentos com o corpo e a recuperação não seja prejudicada.

O crime

Conforme imagens de uma câmera de segurança, que registraram o momento do crime, Enderson seguia em sua motocicleta. Ele acompanhava a mulher, que estava de carro e havia deixado os filhos na creche, quando os quatro bandidos que o seguiam passaram por ele em duas motocicletas.Espingarda é encontrada na casa de envolvido em atentado contra agente

A ação dura menos de 10 segundos, conforme o registro em vídeo. Os passageiros das motos atiraram cinco vezes contra o agente penitenciário, que foi atingido por quatro tiros no abdômen, pernas e na coluna. Ele estava consciente quando foi socorrido.

Há suspeita de que haja relação do atentado contra Enderson e o motim que ocorreu no início do mês no Presídio de Segurança Máxima de Naviraí, onde o agente trabalha desde 2011. Também há indicativo de que os criminosos estivessem comemorando o aniversário do PCC (Primeiro Comando da Capital), com ataques contra forças de segurança.

Jornal Midiamax