Polícia

Em ‘arrastão’ no Nova Lima, polícia flagra produtos roubados, drogas e munições

Três foram presos

Midiamax Publicado em 26/10/2016, às 17h24

None
whatsapp_image_2016-10-26_at_12.10.48.jpeg

Três foram presos

Policiais da Derf (Delegacia Especializada de Roubos e Furtos) apreenderam nesta terça-feira (25) vários objetos furtados e até munições de uso restrito durante uma ação contra receptadores no Bairro Nova Lima. Além dos produtos furtados, os investigadores ainda encontraram porções de pasta base de cocaína na casa de um dos suspeitos.

As investigações aconteceram depois da prisão de Anderson Valdez Marques, o Tiquinho, de 21 anos, na segunda-feira (24). O rapaz, que possui uma extensa ficha criminal, é suspeito de furta e compra mercadorias roubadas e foi detido por policiais da especializada no Nova Lima com 10 pares de tênis, duas televisões, várias bijuterias e outros produtos sem procedência.

Anderson responde por tráfico de drogas, tentativa de homicídio, furto e roubo, sendo dois deles nas casas de um policial militar e de um civil. O rapaz ainda foi vítima de uma tentativa de homicídio em março deste ano no Bairro Tiradentes. Na data, ele entrou em uma igreja para pedir socorro depois de ferido.

Durante o depoimento, ele acabou entregando o nome de alguns comparsas e no dia segundo as equipes voltaram aos bairros para verificar as denúncias. Na ação, os policiais prenderam José Carlos Batista de Oliveira, de 53 anos, dono de uma oficina de assistência técnica da região.

Com o suspeito, foram apreendidos três notebooks e uma televisão furtada, que era usada na casa de José Carlos. Depois de ouvido, José pagou fiança de R$ 2,6 mil e responderá o processo em liberdade.

Ainda em diligências, os policiais encontraram vários produtos furtados, e 200 gramas de pasta base de cocaína na residência de Claudenilson Alves da Silva, vulgo Nanico, de 25 anos. Ele foi atuado em flagrante por receptação e tráfico de drogas.

Também foram apreendidos pelos policiais munições de calibre restrito que estavam escondidas na casa de um terceiro suspeito, que não teve o nome divulgado pela polícia para não atrapalhar as investigações. No local, também foram recuperados facas artesanais, caixas de som, aparelhos celulares entre outros bens.

Outros suspeitos também foram detidos na ação, mas foram ouvidos e liberados. Com a atuação a Polícia Civil espera desvendar vários furtos que aconteceram na região do Bairro Nova Lima. “Agora temos elementos para pedir a prisão dos suspeitos e esperamos com isso diminuir os furtos na região do centro, Nova Lima e Nova Vida”, explicou o delegado responsável pelas investigações, Reginaldo Salomão.

Jornal Midiamax