Polícia

Câmeras instaladas há seis meses são furtadas de escola da Capital

Videomonitoramento iniciou em fevereiro 

Gerciane Alves Publicado em 08/08/2016, às 22h17

None
photo.jpg

Videomonitoramento iniciou em fevereiro 

A diretora adjunta da Escola Estadual Arlindo Andrade Gomes, localizada na na Vila Sobrinho em Campo Grande, procurou a polícia na tarde desta segunda-feira (8) para registrar o furto de algumas câmeras de segurança do local. A escola recebeu o videomonitoramento em fevereiro deste ano.

Consta no registro policial que o furto ocorreu no dia 31 de julho e as câmeras levadas estavam instaladas nos muros fazendo imagens na calçada. Ao todo o local recebeu 58 câmeras, seis delas com visão noturna, em fevereiro deste ano.

Outras oito escolas de Campo Grande também receberam os equipamento. O sistema de videomonitoramento ligado diretamente à Sejusp (Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública). A reportagem do Jornal Midiamax entrou em contato com a escola mas diretora não foi localizada.  

Jornal Midiamax