Polícia

Após vazamento de amônia, 900 funcionários são liberados do JBS

Bombeiros estão no local

Renata Portela Publicado em 31/08/2016, às 12h42

None
indice.jpeg

Bombeiros estão no local

Na manhã desta quarta-feira (31), vazamento de amônia em um setor do frigorífico JBS, localizado na Avenida Duque de Caxias, no Bairro Nova Campo Grande, fez com que funcionários fossem liberados do serviço. Os trabalhadores do setor onde o cheiro da substância é predominante voltarão para casa após o incidente.

De acordo com as primeiras informações obtidas pelo Midiamax no local do incidente, o alarme do frigorífico foi acionado após o vazamento da amônia, produto químico normalmente utilizado para resfriamento das câmaras frigoríficas. Por conta do alarme, os funcionários que trabalham no setor de desossa deixaram o local.

Corpo de Bombeiros foi acionado e quatro viaturas de resgate estão no frigorífico. Os socorristas isolaram a área e a informação é de que o setor de desossa foi o mais afetado, onde o cheiro da amônia está mais forte. Por conta disso, 900 dos 1250 funcionários do estabelecimento foram liberados.

Ainda não foi divulgada a causa do vazamento da substância química e também não há informação de que alguém tenha passado mal por conta da inalação da amônia.

Jornal Midiamax