Polícia

Suspeita de furtar idosa é presa por usar nome falso na delegacia

A mulher também possuía mandado de prisão em aberto 

Midiamax Publicado em 14/07/2015, às 21h39

None
img-20150714-wa0003.jpg

A mulher também possuía mandado de prisão em aberto 

Izis Soares de Moura, de 36 anos, foi presa na manhã desta terça-feira (14), na Vila Piratininga, depois de se passar pela irmã na 5ª Delegacia de Polícia Civil. A mulher, que também estava com um mandado de prisão em aberto, foi levada para a unidade depois de ser apontada por uma idosa de 69 anos como autora de vários furtos a sua residência.

No dia 9 de julho, a mulher e a idosa foram levadas a delegacia para averiguação de uma série de furtos. Lá Izis se passou pela irmã, de 38 anos e chegou a assinar termos de compromisso com os dados da parente.

Dias depois, a irmã da autora, que teve a identidade preservada, compareceu a delegacia com uma advogada e relatou que na verdade a suspeita se chamava Izis Soares e há tempos usava seu nome para cometer crimes. Ainda segunda a vítima, ela só descobriu o fato quando passou a receber intimações dos delitos.

Com o nome verdadeiro e o local onde a mulher morava, os investigadores realizaram diligências e conseguiram efetuar a prisão de Izis. A suspeita, que segundo a irmã é usuária de drogas, também possuía um mandado de prisão por tráfico em aberto. Além dos crimes já investigados, ela foi indiciada por falsa identidade.

Jornal Midiamax