Polícia

Soldado da PM tem arma roubada e ‘sai no braço’ com suspeito

Militar identificou suspeito como sendo filho de colega de trabalho

Wendy Tonhati Publicado em 03/04/2015, às 12h47

None
depac_piratininga_-_mj_3.jpg

Militar identificou suspeito como sendo filho de colega de trabalho

Um soldado da Polícia Militar teve uma arma, de uso pessoal, roubada por volta da 1 hora desta sexta-feira (3), em Campo Grande. O policial, de 34 anos, relatou no boletim de ocorrência que o suspeito do roubo seria o filho de um colega de trabalho dele.  

Consta no boletim de ocorrência, que o policial seguia em uma motocicleta para casa de uma amiga. Ele foi abordado pelo suspeito, que teria questionado se ele estava armado. Em seguida, o homem atacou o militar e tomou a pistola calibre 380, que não é de uso da corporação.

Com a arma nas mãos, o suspeito fez dois disparos para o chão e disse para o militar “vazar”. A vítima não aceitou e entrou em luta com o ladrão.

O homem fez mais três disparos na direção do policial, mas os disparos não o atingiram. A vítima não conseguiu recuperar a arma e foi para Delegacia de Polícia Civil.

O caso foi registrado como roubo na Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) da Vila Piratininga. 

Jornal Midiamax