Ele foi contratado por uma mulher de um detento do presídio para buscar a caminhonete em SP

Homem de 26 anos foi preso por e uso de documento falso nesta segunda-feira (12) na Vila Jatobá, em , a 273 quilômetros de Campo Grande.

Conforme o registro policial, a PM (Polícia Militar) abordou um Mitsubishi L200 Triton, branca, placas EZA-7033, de Indaiatuba (SP), conduzida por Abraão Nóbrega Silva. Após várias contradições, ele disse que é morador de Campo Grande que foi contratado por uma mulher de um detento do presídio para buscar a caminhonete roubada em Jumirim (SP).

Pelo transporte ele receberia R$ 500. Durante abordagem Silva recebeu várias ligações e mensagens de uma pessoa querendo saber onde estava e marcando encontro. Os militares foram ao local, mas não encontraram nenhum suspeito.

Uma nova mensagem foi enviada dizendo que mandaria um advogado. Silva disse que a caminhonete é roubada e estaria com documento e placas de outro veículo que não possui registro de roubo.

Os policiais constataram que o número de chassi estava adulterado e do motor raspado. Ele disse que pegou o veículo em um posto de combustíveis em Jurumim e entregaria em Caarapó, onde um homem conhecido como ‘Titio’ marcaria um encontro para pegar a caminhonete.

Silva também disse que com o dinheiro recebido compraria drogas para uso pessoal e venda. Ele contou aos policiais que já foi contratado para levar carro para a Bolívia. Ele foi preso e encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil.