Polícia

Quadrilha é presa ao recrutar motorista para ‘atravessar’ picape roubada

Dentre os suspeitos havia um adolescente 

Midiamax Publicado em 24/04/2015, às 10h58

None
img-20150424-wa0028.jpg

Dentre os suspeitos havia um adolescente 

Uma quadrilha foi detida no fim da noite desta quinta-feira (23), após tentar recrutar um motorista para levar uma caminhonete roubada para o Paraguai. A ação foi realizada pelos militares do BPChoque (Batalhão da Polícia de Choque), após uma denúncia anônima.

Os suspeitos foram identificados como Gabriel Rodrigo Nunes, de 19 anos, Geovani de Moraes Cardoso, de 18 anos, Rodrigo Elvis Arruda, de 29 anos, e um adolescente de 16 anos, que teve o nome preservado por conta do ECA (Estatuto da Criança e do Adolescente).

Geovani estava em um bar no Bairro Universitário, região sul de Campo Grande, quando começou a recrutar um motorista para fazer um serviço neste fim de semana. A missão era levar uma caminhonete Frontier para o Paraguai, porém a ‘proposta’ despertou a desconfiança de alguns, que ligaram para o Choque.

Os militares foram ao local e detiveram Geovani que revelou que o veículo era roubado. Ele disse que o comparsa era um dos responsáveis no recrutamento. Com isso, os policiais foram até a casa de Gabriel no Residencial Garden,  lá foi encontrado um revólver calibre 38.

A dupla afirmou que a arma foi usada no assalto, que foi praticado por Gabriel e um adolescente de 16 anos, que também foi apreendido. Além disso, eles informaram que o veículo foi deixado aos cuidados de Rodrigo no Jardim Columbia.

A caminhonete foi recuperada e a quadrilha encaminhada para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário)  Centro. O caso foi registrado como formação de quadrilha, porte de arma e corrupção de menor. Todos os suspeitos já têm passagens criminais por tráfico de drogas, receptação e roubo, exceto o jovem de 16 anos.

Jornal Midiamax