Quadrilha de traficantes é presa com maconha e haxixe na MS-289

Oito pessoas foram presas na ação 
| 04/07/2015
- 01:41
Quadrilha de traficantes é presa com maconha e haxixe na MS-289

Oito pessoas foram presas na ação 

Uma quadrilha de traficantes foi presa na noite desta quinta-feira (2) durante um bloqueio policial na MS-289, na região de Amambai, a 315 quilômetros de Campo Grande. O grupo, composto por oito pessoas, foi flagrado com mais e 200 quilos de maconha e 200 gramas de haxixe.

De acordo com o DOF (Departamento de Operações de Fronteira), por volta das 22h30, um veículo Fiat Palio Weekend, cinza, com placa de Curitiba (PR) abordado e durante vistorias foram encontrados 113 tabletes de maconha, que totalizaram 112 quilos e 173 bolas de haxixe, pensando 220 gramas.

No veículo estava o condutor Luciano Moretti Magalhães, de 27 anos, e os passageiros, Luís Cesar Moretti, de 19 anos e Kelvin Wilsen Elias, de 26 anos. Para a polícia, os três confessaram que um Gol GII, branco, estava fazendo o serviço de batedor para a carga de maconha.

Para abordar o veículo, policiais do DOF entraram em contato com a Denarc (Divisão Estadual de Narcóticos) do Paraná em abordou o carro na Ponte Ayrton Senna, divisa do Mato Grosso do Sul com Paraná. Na ação mais três pessoas foram detidas: Wesley Minelli Bishop, de 29 anos, Claudio Araujo de Souza, de 41 ano e Aleff Jhonatan Xavier, de 20 anos.

Nos celulares dos suspeitos foram encontradas várias mensagens que os ligavam com a carga de droga apreendida em Amambai.

Pouco antes das seis prisões, a equipe do DOF tentou abordar um veículo Volkswagen Polo, prata, com placas de Londrina/PR, mas o condutor fugiu e abandonou o carro, com 94 quilos de maconha.

Em contado com a PRE (Polícia Rodoviária Estadual), da base de Amambaí, os policais foram informados que um Ford Ká , branco, com placa de Joinville (SC), havia sido apreendido e provavelmente seria o batedor da carga abandonada, já que o motorista do carro estava recebendo várias mensagens de uma pessoa chamada Bebe. Nos textos o suspeito pedia socorro e relatava que estava em uma mata.

No local apontado pelo suspeito, os policiais encontraram Eriovaldo Benvenuto, de 25 anos. Todos os envolvidos foram presos por e foram levados, juntamente com os quatro carros, para a Delegacia de Polícia Civil de Amambai. 

Veja também

Últimas notícias