Polícia

Preso por estupro é espancado em presídio e detentos dizem que PCC deu ordem

Agressão aconteceu no presídio de Rio Brilhante, a 160 quilômetros de Campo Grande

Wendy Tonhati Publicado em 17/01/2015, às 20h04

None
presidio_de_rio_brilhante.jpg

Agressão aconteceu no presídio de Rio Brilhante, a 160 quilômetros de Campo Grande

Um homem de 44 anos, que cumpre pena por estupro, foi espancado na noite da sexta-feira (16), no presídio de Rio Brilhante, a 160 quilômetros de Campo Grande.

De acordo com o boletim de ocorrência, os detentos responsáveis pela agressão disseram à polícia que cumpriam ordens da facção criminosa PCC (Primeiro Comando da Capital), que age dentro e fora dos presídios brasileiros.

Dois detentos foram identificados como agressores. Eles disseram que receberam uma ordem da facção criminosa e agrediram o homem com chutes e socos.

O caso foi registrado como lesão corporal dolosa na Delegacia de Polícia Civil de Rio Brilhante. 

Jornal Midiamax