Polícia

Polícia fecha boca de fumo e prende ‘Lula’ com R$ 7,5 mil e porções de cocaína

O traficante estava foragido

Renata Portela Publicado em 15/10/2015, às 13h31

None
img-20151015-wa0013.jpg

O traficante estava foragido

Luiz Roberto Bezerra Siqueira, de 33 anos, o Lula, foi preso em flagrante na tarde de quarta-feira (14), na região da Vila Marcos Roberto. Ele comandava uma boca de fumo na Rua dos Andes e foi detido com R$ 7,5 mil em notas, além de porções de cocaína, avaliadas em R$ 1,45 mil.

Segundo o delegado João Paulo Sartori, da Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico), a polícia recebeu informações de que, na região da Marcos Roberto funcionava um ponto de venda de drogas. Na tarde de quarta-feira, os policiais foram até a região e abordaram um rapaz, que estava em um carro de luxo. Ele confessou que era usuário de drogas e apontou a casa de onde havia comprado porções de cocaína.

Na casa, os policiais abordaram Luiz, que confessou o tráfico. Ele morava sozinho e vendia porções de cocaína a R$ 50. Na residência, foram encontradas 29 porções da droga, além de R$ 7,5 mil em notas, uma bicicleta furtada e uma pistola com identificação raspada, pertencente à Secretaria de Justiça.

O traficante, conhecido como Lula, foi preso em flagrante e, segundo o delegado João Paulo Sartori, ele fugiu do Presídio da Gameleira em 2013 e estava foragido. Além disso, ele tem passagens por latrocínio, roubo e dois mandados de prisão em aberto. Ainda de acordo com o delegado, os usuários que iam até a casa de Luiz comprar a droga eram pessoas de alto poder aquisitivo.

Em relato, Luiz afirmou aos policiais que começou a traficar porque “não tinha opção”. Ele disse que estava foragido e, por isso, não conseguia empregos, então comercializava cocaína. Luiz atuava na região da Vila Marcos Roberto há 8 meses e também vendia as porções do entorpecente no esquema “disque-droga”. O suspeito responderá por tráfico e posse ilegal de arma de uso restrito.

Jornal Midiamax