Polícia detém 7 que levavam comboio de veículos roubados ao Paraguai

Um adolescente está entre os suspeitos; placas teriam sido clonadas
| 25/07/2015
- 15:02
Polícia detém 7 que levavam comboio de veículos roubados ao Paraguai

Um adolescente está entre os suspeitos; placas teriam sido clonadas

A PRF (Polícia Rodoviária Federal) prendeu na madrugada deste sábado (25) seis pessoas e apreendeu um adolescente, de 17 anos, que estavam em comboio tentando atravessar cinco carros roubados para o Paraguai. O grupo vinha de Goiânia (GO), segundo as primeiras informações, e os veículos estavam com placas clonadas.

Os suspeitos estavam na Saveiro branca, placa OLL-3161; na picape Strada placa OOJ-1847; no HB20 branca placa OOK-9679; no Rexton placa JRE-7197; e na caminhonete F-350 placa FKO-2839. A identificação da Saveiro, por exemplo, o primeiro veículo abordado, corresponde à de uma motocicleta.

A abordagem da PRF ocorreu próximo do posto de fiscalização da BR-163 em Campo Grande. Segundo policiais que participaram da interceptação, ao pararem a Saveiro, por volta das 2 horas, verificou-se a divergência em relação à placa e os condutores, que até o momento não tiveram as identidades reveladas, acabaram admitindo que estavam em um comboio de carros roubados rumo ao Paraguai.

Depois disso, os policiais seguiram sentido Anhanduí para interceptar os outros suspeitos. Segundo a PRF, o Rexton era usado como batedor, enquanto os demais veículos seriam, na versão dos suspeitos, trocados por dinheiro no Paraguai.

A suspeita, no entanto, é de que se trata de uma especializada neste tipo de crime. Por isso, também recai sobre o grupo a suspeita de que os veículos seriam trocados por drogas do outro lado da fronteira.

Os suspeitos estavam com pouco dinheiro e pertences, indicando intenção de ficarem pouco tempo no Paraguai, segundo analisam os policiais. Outro detalhe que a polícia verifica é o abandono de um Santa Fe próximo do posto da PRF em Jaraguarai – suspeita-se que o veículo também estaria sob posse da suposta quadrilha.

Todos foram levados para a Depac (Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário) Piratininga para autuação. Até o fechamento deste texto, a ocorrência ainda era registrada na unidade policial.

Um dos presos, ocupante do Rexton, alegou ser de Brasília (DF) e viajava a Dourados, onde pretendia comprar peças e pneus para o veículo, negando pertencer a uma quadrilha de criminosos. No entanto, conforme apurou a polícia, um dos ocupantes de outro veículo abordado no caso é primo dele, reforçando as suspeitas.

Veja também

Adolescente de 15 anos foi flagrado com dois cigarros de maconha em uma escola pública...

Últimas notícias