Polícia

Onze detentos que participaram de rebelião em Três Lagoas são transferidos para a Capital

Os detentos são de alta periculosidade e integrantes do PCC

Midiamax Publicado em 16/01/2015, às 14h48

None
_mg_7176.jpg

Os detentos são de alta periculosidade e integrantes do PCC

Onze presos que participaram de rebelião no dia 7 de janeiro na Penitenciária de Segurança Média de Três Lagoas, a 338 quilômetros da Capital, estão sendo trazidos nesta sexta-feira (16) para o Presídio de Segurança Máxima de Campo Grande.

Os internos saíram de Três Lagoas por volta das 8h30 e a chegada era prevista por volta de meio-dia. Todos os presos são de alta periculosidade e integrantes do PCC (Primeiro Comando da Capital), segundo autoridades de segurança pública.

Rebelião

No dia 7 de janeiro, detentos da Penitenciária de Segurança Média de Três Lagoas fizeram uma rebelião que começou na cela 03 do pavilhão 2. Os internos reivindicavam que 48 acusados pelos crimes de estupro e pedofilia fossem retirados da penitenciária.

O Batalhão de Choque foi convocado para conter a rebelião. O presídio de Três Lagoas tem suporte para 240 internos.

Jornal Midiamax