Polícia

Mulher é espancada depois de ouvir gemidos e flagrar o marido com vizinho

Esposa estranhou demora e apanhou por descobrir traição

Arlindo Florentino Publicado em 24/06/2015, às 12h49

None
delegacia-vicentina.jpg

Esposa estranhou demora e apanhou por descobrir traição

Plantonistas da Polícia Militar da cidade de Vicentina, localizada a 252 quilômetros de Campo Grande, receberam denúncias de populares de que no Bairro Barreirão, na zona rural da cidade, uma mulher estaria sendo agredida pelo marido.

No local foram encontrados os dois, ele 42 anos, parado na frente da residência e ela de 39 anos, escondida em um matagal nas proximidades. Os dois apresentavam escoriações e foram levados ao hospital.

Na delegacia, a mulher afirmou que por volta das 22 desta terça-feira (23), estranhando a demora do marido, ela foi até a casa de um homem que mora nas proximidades.

Ao chegar, ela teria ouvido gemidos e gritou pelo nome do marido. Passados alguns minutos ele saiu arrumando a roupa e ela deduziu que os dois estavam mantendo relações sexuais. O marido, irritado, deu um tapa na mulher e ordenou que ela voltasse para casa.

Como ele novamente demorou a aparecer, ela retornou à casa do vizinho e recebeu a informação de que realmente os dois estavam mantendo ‘relações sexuais ativa e passiva alternadamente’.

A mulher novamente questionou o marido quando ele passou a agredi-la mais violentamente, somente parando depois da intervenção de vizinhos que acionaram a polícia. O caso foi registrado como lesão corporal e violência doméstica.

Jornal Midiamax