Morador de Ponta Porã que sofreu atentado em 2012 é assassinado em MT

Polícia trabalha com hipótese de assalto e execução
| 14/05/2015
- 15:35
Morador de Ponta Porã que sofreu atentado em 2012 é assassinado em MT

Polícia trabalha com hipótese de assalto e execução

Cristian Silgueiro Peralta, de 34 anos de idade, que em 2012 já havia sofrido  atentado em Pedro Juan Caballero, na fronteira com Ponta Porã foi morto na última terça-feira (12) na cidade de Santo Antônio do Leverger, distante 36 quilômetros de Cuiabá, em Mato Grosso.

O crime aconteceu por volta das 19 horas quando dois homens armados invadiram a casa de Cristian, supostamente para assaltar. A vítima ouviu ruídos e tentou fugir para uma casa próxima, mas foi atingido por cinco disparos; A arma utilizada foi um revólver calibre 38.

A polícia trabalha com a hipótese de tentativa de assalto mas não descarta também a possibilidade de ter acontecido uma execução.

Os criminosos fugiram em uma motocicleta e foram perseguidos pela polícia. Houve troca de tiros e ainda tentaram fazer um homem refém. Na operação ficou ferido Edvaldo Campos, que teria participado do . Ele foi encaminhado ao hospital da cidade com vários ferimentos pois foi atingido por alguns disparos.

Atentado

Em 15 de setembro de 2012 homens armados com fuzis M-16 dispararam várias vezes contra o carro, um Corolla com placas de Ponta Porã, no qual estavam Cristian e Evandro dos Santos, em uma rua no centro de Pedro Juan Caballero.

Testemunhas afirmaram na época que foram disparados mais de 30 tiros. Cristian e Evandro conseguiram fugir com alguns ferimentos e foram encaminhados ao hospital. Os atiradores fugiram para o território paraguaio.

Veja também

Últimas notícias