Polícia

Mais de 2 toneladas de alimentos impróprios são recolhidos em mercados da Capital

Ação também teve objetivo de promover orientação dos responsáveis por estabelecimentos

Wendy Tonhati Publicado em 01/04/2015, às 20h20

None
acao_decon_1.jpg

Ação também teve objetivo de promover orientação dos responsáveis por estabelecimentos

Mais de duas toneladas de alimentos impróprios para consumo foram apreendidos entre os dias 30 de março e 1º de abril, em Campo Grande.

A fiscalização nos supermercados foi coordenada pela Decon (Delegacia do Consumidor) e teve a participação do Procon (Superintendência de Proteção e Defesa do Consumidor) e a Visa municipal (Vigilância Sanitária).

Entre os estabelecimentos fiscalizados estão o Atacadão, Assai, Carrefour, Fort Atacadista, Walmart, Extra Hipermercado, Makro, Hipermercado Comper e Pão De Açúcar.

Além de fiscalizar, a força tarefa também teve objetivo de promover a orientação dos responsáveis pelos estabelecimentos fiscalizados quanto à manipulação e armazenamento de gêneros alimentícios.

A ação conjunta resultou na apreensão e destruição de mais de duas toneladas de mercadorias, entre elas produtos de origem animal, vegetal, e perecíveis em geral.

Entre as irregularidades apresentadas estavam o armazenamento inadequado, prazos de validade expirados, embalagens violadas, rotulagens incompletas, temperatura de mercadorias em desconformidade com as normas sanitárias, entre outras infrações.

Jornal Midiamax