Polícia

Mãe de jovem envolvida em morte de rapaz carbonizado diz que está sendo ameaçada

Caso será averiguado pela Deaij

Midiamax Publicado em 12/08/2015, às 21h37

None
img-20150812-wa0128.jpg

Caso será averiguado pela Deaij

A mãe de uma adolescente de 14 anos, que teria sido vítima de uma tentativa de estupro e depois teria ajudado outros dois jovens de 15 anos a se vingarem do suspeito, contou para a equipe do Jornal Midiamax que está sendo ameaçada. Ela estava na Deaij (Delegacia Especializada de Atendimento a Infância e Juventude) e também seria ouvida.

A mulher disse que amigos de Marcos Vinícius de Oliveira, de 20 anos, têm feito ameaças e intimidações, logo após o sumiço do garoto do Bairro Santa Mônica, área sudoeste de Campo Grande, onde ambos são vizinhos.

“Marcos não era uma pessoa boa, ele fvazia bullying com os meninos lá do bairro e andava com mais um. Ele era muito agitado, pois mexia com droga. Agora os ‘boqueiros’ estão nos ameaçando”, contou. A mulher também afirmou que a vítima praticava furtos e roubos pela região.

A delegada Aline Sinnotti da Deaij afirmou para a equipe do Jornal Midiamax que Marcos não tinha passagem e que não há indícios de que ele mexia com drogas ou era usuários, mas que o caso seria averiguado.

O corpo da vítima foi encaminhado para o Imol (Instituto de Medicina e de Odontologia Legal). Já o trio que confessou o crime e onde estava o corpo deve ser encaminhado para uma Unei (Unidade Educacional de Internação).

Jornal Midiamax