Polícia

Ladrão embriagado que vomitou na casa da vítima durante roubo é preso

Ele tem passagens por tráfico e furto

Renata Portela Publicado em 06/10/2015, às 13h13

None
img-20151006-wa0040.jpg

Ele tem passagens por tráfico e furto

Ailton Pereira de Souza, de 26 anos, técnico em informática, foi preso em flagrante após cometer roubos em Campo Grande. O jovem é natural do interior de São Paulo e mora na capital sul-mato-grossense há aproximadamente 6 meses, período em que cometeu 2 roubos, além de outros delitos.

De acordo com o delegado Ivair Luiz Campos, da Derf (Delegacia Especializada de Roubos e Furtos), no dia 18 de setembro o rapaz entrou na casa de uma mulher, na Vila Bandeirantes, por volta das 7 horas. Ele usava uma camisa enrolada na cabeça e, com uma faca em mãos, ameaçou a moradora, exigindo dinheiro e jóias.

Segundo relato da vítima para os policiais, ela viveu momentos de pavor. Ela disse que Ailton a ameaçava, puxava os cabelos e mantinha a faca apontada para o pescoço dela. De acordo com o delegado Ivair, o assaltante estava sob efeito de álcool e drogas e chegou a vomitar algumas vezes na casa da vítima. Em um desses momentos, a mulher aproveitou para destravar o portão da casa e fugir.

O assaltante ainda foi atrás da vítima, mas fugiu em seguida, com medo de ser detido por populares. Ele ficou na casa por aproximadamente 2 horas e fugiu levando a aliança e um celular da moradora. A vítima também revelou que, durante o assalto, ela chegou a ligar para a irmã, pedindo R$ 5 mil emprestados sob exigência de Ailton.

Segundo roubo

Dois dias depois, no dia 20 de setembro, Ailton cometeu outro roubo no Bairro Sargento Amaral, nas proximidades do Shopping Norte Sul Plaza. A moradora, de aproximadamente 35 anos, foi violentamente espancada e precisou ser encaminhada para a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) do Universitário, com vários ferimentos.

O assaltante fugiu com uma sacola na mão e uma testemunha o perseguiu por aproximadamente 1 quilômetro, mas também foi agredido pelo ladrão. Equipes da polícia foram acionadas e conseguiram capturar Ailton, que portava uma faca. Dois notebooks, relógios e jóias das vítimas foram recuperados e encaminhados com o rapaz para a delegacia, onde o caso foi registrado.

Investigação

Após a prisão de Ailton, os policiais da Derf constataram que ele era o autor dos dois roubos, por agir da mesma forma. Ele nega os roubos, mas impressões digitais encontradas na casa da vítima, na Vila Bandeirantes, confirmaram que ele foi o autor do crime.

Segundo o delegado Ivair, o assaltante entrava nas casas para furtar, mas sempre armado com uma faca, caso houvesse alguém na residência. Ele cometia os delitos para comprar drogas e a aliança e o celular roubados no dia 18 foram trocados por entorpecentes, na região da Vila Nhá Nhá. Ainda segundo a polícia, ele escolhia as casas aleatoriamente, sem intenção de que as vítimas fossem mulheres.

O delegado já fez pedido de prisão preventiva e agora aguarda decisão do judiciário.

Jornal Midiamax