Polícia

Homem morto é descoberto no ‘Inferninho’ por praticantes de rapel

Suspeita de assassinato e ocultação de cadáver será investigada pela Polícia Civil

Midiamax Publicado em 12/04/2015, às 23h00

None
capinha.jpg

Suspeita de assassinato e ocultação de cadáver será investigada pela Polícia Civil

Na noite do domingo (13) diligências do Corpo de Bombeiros e e da Polícia Civil foram enviadas à Cachoeira do Inferninho, nas proximidades da MS-080 (Saída para Rochedo), onde um homem, de aproximadamente 30 anos, ainda sem identificação. foi encontrado morto, com perfurações. 

O corpo estava dentro da água do riacho que existe no local e foi descoberto por praticantes de Rapel que estavam na cachoeira na tarde do domingo (13). Sete bombeiros participaram da operação para a retirada do homem morto no ponto de difícil acesso em que foi encontrado. A Polícia Civil investiga o caso que pode ter como hipótese execução com desova. 

O corpo estava em estado de decomposição avançado, com pelo menos quatro dias de morte.

Jornal Midiamax