Polícia

Detento leva tiro no braço em cela do Presídio de Segurança Máxima

O disparo foi feito da muralha do presídio

Renata Portela Publicado em 29/10/2015, às 14h25

None
presidio_maxima.jpg

O disparo foi feito da muralha do presídio

Na noite de quarta-feira (28), por volta das 18h30, o detento Marcos Alexandre Valdes de Souza, de 32 anos, foi vítima de tentativa de homicídio no Presídio de Segurança Máxima de Campo Grande, localizado no Jardim Noroeste. Ele foi ferido com um tiro no braço e encaminhado para a Santa Casa.

Um funcionário do Sistema Penal do Estado foi até a 3ª Delegacia de Polícia Civil do município, na manhã desta quinta-feira (29), informar sobre a tentativa de homicídio. Segundo o comunicante, que é chefe de equipe e estava de plantão na noite de quarta-feira, ele percebeu que ocorria um tumulto no pavilhão 01 e que os internos estavam gritando e batendo na cela.

O chefe de equipe foi até o local e foi informado pelos internos que Marcos Alexandre estava ferido no braço. O detento estava na cela 09 e foi removido e encaminhado ao Pronto Socorro da Santa Casa, com o ferimento por disparo de arma de fogo.

De acordo com o registro da ocorrência, o tiro que atingiu Marcos, foi disparado da muralha de segurança, que fica a aproximadamente 80 metros do local. O caso é tratado como homicídio simples na forma tentada.

Prisão

Na madrugada do dia 13 de julho, Marcos Alexandre foi preso em flagrante e uma adolescente, de 13 anos, apreendida. O fato ocorreu na Rua Rio Negro, região da Vila Margarida, a nordeste de Campo Grande.

A equipe da PM (Polícia Militar) fazia rondas na Mata do Jacinto, quando avistou Marcos e a adolescente na motocicleta Titan, cinza, placa HTR-7716, de Campo Grande-MS. A dupla apresentou atitude suspeita e não obedeceu à ordem de parada.

Os policiais fizeram acompanhamento tático e conseguiram abordar o motociclista. Em verificação, foi constatado que a motocicleta era roubada. A garupa, uma menina de 13 anos, afirmou que não conhecia Marcos e que estava apenas “pegando carona”. Com ela, foi encontrada uma arma de brinquedo. A jovem ainda revelou que a arma pertencia ao motociclista.

Já Marcos apontou outra pessoa como sendo a dona da motocicleta e afirmou que a arma de brinquedo era da adolescente. O motociclista foi preso em flagrante e a motocicleta foi apreendida. Marcos foi vítima de tentativa de homicídio na madrugada de quinta-feira (9), quando foi até a casa dele pedir socorro para a mãe, ferido com um tiro no tórax. Ele foi preso por receptação e desobediência.

Jornal Midiamax